logo.png
DATA-LOCAL-2.png

A grande festa do rock independente brasileiro está de volta depois de dois anos suspensa por causa da pandemia do coronavírus. O 26º Goiânia Noise Festival irá acontecer entre os dias 16 e 22 de maio, com os quatro primeiros dias (de 16 a 19) dedicados a ações de formação e qualificação profissional nas áreas de produção e música, com palestras e oficinas no Instituto Gustav Ritter, e os três últimos (20, 21 e 22) com mais de 30 shows no Oscar Niemeyer. 


A programação deste ano apresenta grandes nomes como Terno Rei, Ratos de Porão, Casa das Máquinas, Carne Doce, Assucena, Viper, Black Pantera e Far From Alaska e muitas novidades. Ao todo são 38 bandas que irão se revezar em shows ininterruptos nos dois palcos montados no Palácio da Música. São artistas de todas as regiões do País e de várias gerações, linguagens, estilos e calibres que garantem um verdadeiro panorama do que de mais interessante anda acontecendo no rock independente brasileiro. 


Um detalhe curioso é que praticamente 70% da programação é formada por artistas locais, provando a força do rock goiano e reforçando o conceito do festival de valorizar, divulgar e fomentar o rock produzido no Estado. Entre os principais nomes estão do Carne Doce, Two Wolves, The Galo Power, Sheena Ye, Desert Crows, Insanidade, Mechanics, A Última Theoria e do veterano baterista Moka, que comemora nada menos que 50 anos de carreira. 


O festival vai contar ainda com um terceiro palco, que será montado na Esplanada do CCON, e que terá seu line-up divulgado nos próximos dias. Nesse palco, bandas novas irão se revezar e gravar suas apresentações. O chamado Estúdio Noise é mais uma ação que busca valorizar e fomentar a produção musical goiana. Todas as gravações serão depois disponibilizadas nas plataformas digitais. 


O Goiânia Noise Festival é o mais longevo evento de música de Goiás e é considerado um dos mais importantes festivais de rock do Brasil. O evento teve 25 edições anuais ininterruptas e só foi obrigado a parar por causa da pandemia e dos decretos que proibiram eventos nos últimos dois anos. Agora o Noise está de volta e, mais uma vez, no Oscar Niemyer, com apoio do Governo Federal (através da Funarte), do Governo Estadual (via FAC e apoios logísticos) e da Prefeitura de Goiânia, através da Lei de Incentivo à Cultura.
 

RODAPÉ-T.png